menu

Sorteios

domingo, 30 de agosto de 2015

2 [Blogueiras Unidas] [Bienal Open Book 2015] [Entrevista] - Ane Viz

Ei, pessoas!

Partiu continuar com mais um pouquinho do Projeto Bienal Open Book (BOB) 2015?


Para quem ainda não sacou a parada, o BOB-2015 visa auxiliar a divulgação de diferentes autores nacionais, independente de parceria com o blog divulgador e da editora que está lançando o livro. Para os coleguinhas que perderam a apresentação do BOB-2015, sugiro que acessem AQUI

O primeiro autor apresentado foi Tiago N. Oliveira, o autor do livro Utópica. Tiago também respondeu uma entrevista aqui para o blog >> Acessem!

Depois, apresentamos o autor J.M. Alvarez, autor de Amor Infinito, que já é parceiro do blog há um tempinho. Vocês encontram a entrevista dele >> AQUI.

Logo depois, apresentamos Bianca Aliester, autora de Fatal.

Em seguida, vocês conheceram Priscila Ferreira, autora do livro Um Encontro Fatal, cuja entrevista vocês acessam >> AQUI!

Aí, hoje de manhã, lindamente, apresentamos a querida Ane Viz, autora do livro Sonho ruim ou Pesadelo bom? E depois, fizemos uma entrevista com ela. Bora conferir?

Como e quando surgiu a vontade de ser escritor/a? Já iniciou publicando livros?
Hm... O desejo surgiu depois de participar quando tinha treze anos de uma das edições do Concurso Municipal de Contos de Niterói ficando em quarto lugar e publicando o conto. Com essa experiência comecei a fazer webnovelas e fanfics. Consegui publicar uma crônica no I Concurso de contos e poesias do Instituto de Letras da UFF. E em 2014 publiquei meu primeiro livro A guardiã pela Editora Multifoco, neste ano, publiquei o livro Lágrimas verdadeiras pela Editora Buriti e o Doce Amor (amazon) pela Tribo das Letras. E na Bienal terei o livro Sonho ruim ou pesadelo bom? lançado pelo Selo Métrica da TDL. 

Você possui um estilo literário fixo ou preferido e por quê? Quais os outros estilos de suas obras?
Bom, eu gosto muito de romance, fantasia, comédia e chick-lit. Em meus livros costumo misturar um pouco de cada estilo, pois como na vida, em cada momento sentimentos diferentes emoções. Contudo, sempre com uma pitada de romance.

Qual é a maior alegria e a maior decepção após o lançamento do seu 1º livro?
A maior alegria foi receber o carinho dos leitores e ter a realização de um sonho em minhas mãos. E a decepção foi a falta de divulgação. Infelizmente, não temos muitas condições de apresentar o trabalho ou apoio para a literatura nacional. Por isso, agradecemos ao ver projetos e blogueiros incentivadores de nossa literatura.

“Sonho ruim ou Pesadelo bom?” possui um enredo diferente das “histórias de fantasmas” comuns. Você buscou inspiração em outras obras ou em histórias reais para escrevê-lo?
O livro surgiu de uma ideia de mesclar diferentes elementos sobrenaturais em um enredo. Pensei como seria juntar os cenários de A mediadora e Crepúsculo, então, é baseado nas obras. Ainda assim, contém um elemento novo a figura do nagual que são seres místicos que podem assumir a forma de um animal.

Fale um pouco sobre as suas outras obras já publicadas (A guardiã, Doce amor, Lágrimas verdadeiras):
A guardiã é sobre a história de Lily, uma jovem hibrida, que decidi seguir a carreira de sua mãe, mas se sente abalada pela morte de sua melhor amiga e acabar por mudar de escola para seguir com seu sonho. Lá conhecerá Angelo Salvatore um guardião que roubará seu coração.

Doce Amor narra sobre a vida de Bianca, uma jovem doce e gentil, que descobre sobre a doença de seu pai enquanto lida com seu próprio problema, uma doença sem cura, como consequência da fuga de seu pai irá conhecer um ator por quem tem uma paixão platônica. E, talvez, de lá tirar a ideia para terminar seu livro e viver um doce amor ao lado dele.

Lágrimas verdadeiras conta sobre um romance de lados opostos onde o orgulho e preconceito se tornam personagens principais. Vivi após passar por uma situação difícil amadurecerá e verá tudo sob uma nova perspectiva. Como todos os seus amigos e principalmente Lucas. Ele frio e calculista mostrará que nem tudo é preto no branco enquanto Vivian ensinará que a vida pode ser colorida. E juntos vão descobrir que as lágrimas podem ter um valor todo especial.

Você acha que um escritor precisa/deve ler outros autores? Por quê? E quais seus autores preferidos?
Sim, com toda a certeza. Para se escrever é preciso ler muito e estudar. Porque conhecendo outros autores/livros aprende-se muito. Hm... Posso dizer sem sombra de dúvidas que meus autores preferidos são Meg Cabot, J. K. Rowling e Becca Fitzpatrick. 

Atualmente, você obtém renda totalmente com a escrita ou mantém outra profissão?
Apesar de querer viver de escrita, no momento, não é possível. Acredito que para isso precisa-se de muita divulgação. Possuo outro trabalho, sou tradutora de espanhol e estou cada vez mais em busca de especialização para este cargo.

Pode descrever o mercado literário brasileiro sob o seu ponto de vista? Como está, tendências e outros aspectos?
O mercado literário brasileiro é muito grande e há espaço para todos, porém não temos o incentivo necessário. Ainda assim, a literatura nacional está pronta e disposta a lutar por seu lugar. Atualmente, acredito que a tendência de maior visibilidade é de literatura hot e aventura, mas todos os gêneros devem ser apresentados e disponibilizados aos leitores.

Dicas que você gostaria de compartilhar com escritores iniciantes:
Ler muito e escrever. Estar disposta a lutar por seus sonhos, você pode logo “de cara” conseguir uma editora ou não, isso não significa que seu livro não é bom, como exemplo, temos a J. K. Rowling. Antes de enviar seu original para análise assegure-se de ter um registro da obra e pesquisar sobre a editora e sua linha editorial. Lute, insista e se predisponha a aprender sempre.

E seus projetos futuros?
Tenho muitos (risos). Pretendo fazer a reedição de A guardiã com acréscimos no livro e outros pontos a mais e lançar os outros livros da Saga. Divulgar o livro Sonho ruim ou pesadelo bom? e se agradar fazer o segundo volume que já comecei a escrever. Outros projetos estão escondidos na gaveta, porém pretendo dar seguimento a eles. 

Fique à vontade para compartilhar mais informações:
Em conjunto com outros autores e com a Yohana Sanfer, dona da Livraria virtual Sanfer livros, pretendemos criar feiras e encontros literários em Niterói. Para saber mais procurem a livraria ou através dos contatos.

Você autoriza a publicação desta entrevista, na íntegra ou em partes, no blog “As 1001 Nuccias”? Caso positivo, por favor, manifeste-se de forma elucidativa: 
Sim, autorizo a publicação.

Nuccia, muito obrigada pelo incentivo a literatura nacional e por essa entrevista. Adorei participar e desejo todo sucesso para você e seu blog.
Beijos,
Ane Viz.

==========

Saibam mais sobre a autora:

Ane Viz nasceu em Niterói, formada em Letras português/espanhol pela Universidade Federal Fluminense, mestranda em Literatura espanhola pela UFF. Atualmente é escritora, tradutora e revisora. Possui conto e crônica publicados através de concursos, livro A guardiã publicado pela editora Multifoco, Doce amor pela Tribo das letras e Lágrimas verdadeiras pela editora Buriti.


Entre em contato com a autora através de suas redes sociais:

  

==========

Este é "Sonho ruim ou Pesadelo bom?", o novo livro da Ane a ser lançado na Bienal-RJ/2015:

Sonho ruim ou Pesadelo bom?
Gênero: Romance Sobrenatural
Lançamento: 2015 
Editora: Tribo das Letras

Sinopse:
Samantha Smith é uma mediadora, todo o dia aprende a lidar com isso. Depois de ter sido obrigada por seu padrasto, Mark, a trabalhar no verão e conhecer outros mediadores, espera ter um ano letivo normal. Ela não contava com uma viagem surpresa para Olympia logo no inicio das aulas. Porém, se deparará com o que pensava não ser real. Mesmo para uma mediadora, fantasmas não serão nada perto dos seres que estarão diante dela. Passa a ser, o tempo todo, posta a prova e a ter que aturar Phill Silver, um cara que conheceu nas férias, e no entanto não se sente bem perto dele. Samantha tentará descobrir se está vivendo um sonho ruim ou um pesadelo bom.

Acompanhe o livro na internet:



 

==========

Ane na bienal!

Editora Tribo das Letras - Selo Métrica
Pavilhão Verde - Rua P - Estande 20
Sessão de Autógrafos >> Dia 08/Setembro às 11hs


==========

Gosto particularmente das entrevistas, pois conseguimos ver um mínimo do processo de criação da obra do autor e sua visão do mercado literário atual. É bem interessante e nunca repetitivo, mesmo que algumas perguntas sejam feitas a todos os autores.

Obrigada a você, Ane, por responder as perguntas e por depositar tanta confiança no trabalho do blog. =D

Vai na Bienal? Tirou foto com um dos nossos autores? Envie uma foto para o blog no e-mail nucciadecicco@gmail.com - assunto: Fotos da Bienal. Haverá uma postagem só para estas fotinhos!!

Até + ver!





2 comentários:

Seja legal: aumente nosso ego deixando seu comentário!
Mas, ei! Cuidado aí! Sem comentários ofensivos!
Um imenso obrigado de todos nós!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...